SUBSTRUTURA PARA PRODUTOS INDUSTRIALIZADOS

PERFIS


O perfil PREMIUM permite uma grande velocidade na montagem, pois possui poucos elementos e a sua instalação é sempre com parafusos autoperfurantes, garantindo uma perfeita junção estável e duradoura, absorvendo as cargas próprias do revestimento e do vento com todos os coeficientes de segurança estabelecidos.

Os perfis PF-AL-T e PF-AL-L são utilizados para a fixação em juntas verticais e nas extremidades da placa respetivamente; ao contrário, o perfil PF-AL-J é utilizado nos retornos, seja nos retornos dos cantos ou dos batentes, sem necessidade de duplicar perfis. Este tipo de perfis é calculado para uniões articuladas onde as cargas, gravitacional e do vento, são repartidas entre o cerramento portante e a estrutura do edifício.

Os perfis PF-AL-TT também são utilizados para a fixação em juntas verticais, sendo o perfil PF-AL-JT utilizado nas extremidades da placa e nos retornos, sejam de cantos ou batentes, sem a necessidade de duplicar perfis. Este tipo de perfis é calculado para suportar as cargas gravitacionais e do vento, de armação a armação, utilizando elementos de fixação encastrados.

Os PF-AL-T35 também são utilizados para a fixação em juntas verticais, sendo o perfil PF-AL-J35 utilizado nas extremidades da placa e nos retornos, sejam de cantos ou batentes, sem a necessidade de duplicar perfis. Este tipo de perfis está desenhado e calculado para fachadas onde não é necessária a utilização de isolamento térmico e ao mesmo tempo uma câmara reduzida, obviamente também calculado para suportar as cargas gravitacionais e do vento.

A união com o revestimento é direta, e é necessária uma boa planimetria do mesmo; em qualquer caso, dispomos de calibrações milimétricas para o seu fio-de-prumo e nivelamento.

Com o aumento dos cerramentos leves do tipo WM.es da KNAUF, que pressupõem uma boa planimetria vertical e horizontal, foram estudadas novas tabelas de cálculo para poder instalar os perfis de grampo HPL diretamente no cerramento e solidários à própria estrutura vertical (EXP. ITEC. QP-IT-4158-01.A).

Todos esses sistemas estão calculados para permitir a fixação de múltiplos revestimentos com materiais industrializados leves, como cerâmica plana, cerâmica sinterizada, terracota, fibrocimento, compósitos, HPL e outros.
 
Esses perfis podem ser utilizados como base para rebitagem direta do revestimento ou para os fixar em combinação com as ancoragens pontuais e o adesivo estrutural.

JUNÇÃO ENTRE PERFIS VERTICAIS


Os perfis verticais possuem elementos de emenda para cada um dos tipos fabricados. Essas emendas foram desenhadas para permitir a dilatação dos perfis a unir, garantindo seu o alongamento/contração, devido aos efeitos do gradiente térmico ao qual o sistema está submetido.

A união entre a emenda e o perfil vertical é feita por dois conjuntos de parafusos autoperfurantes que ligam os perfis e a emenda. Um dos conjuntos é fixado nos orifícios unidos da emenda, permitindo o movimento vertical livre dos perfis entre si.
 

ELEMENTOS DE SUPORTE


Os perfis verticais são complementados com uma ampla gama de elementos de suporte, denominados ES-ALU. A combinação entre ambos permite solucionar as diferentes saídas do revestimento, bem como resolver qualquer tipo de colapso do cerramento. O ES-ALU é fabricado em tamanhos diferentes (de 60 até 157 mm).

Obtém-se a regulação do sistema pelo orifício de montagem do elemento de suporte. Caso seja necessária uma distância maior, deve-se utilizar o ES-ALU superior. A regulação entre eles é milimétrica e contínua.

PLACA DE RECTIFICAÇÃO


Se necessário, o Sistema Masa dispõe de cunhas de retificação que permitem corrigir desvios na planta, sem precisar de remover os elementos de suporte dos perfis verticais. Pode-se sobrepor vários elementos de retificação para se obter um maior ângulo de ajuste. 

BUCHA DE POLIETILENO


Os elementos de suporte ES-ALU foram desenhados em diferentes versões, dependendo do suporte no qual são fixados e do parafuso ou haste utilizados para a sua ancoragem. No caso de elementos de fixação metálicos, eles são fornecidos com uma placa de poliamida PA.6 de 1 mm de espessura, para evitar a corrosão devido ao efeito do par galvânico. 

TERMOSTOP


Bucha projetada para minimizar as pontes térmicas, fabricada em borracha de alta densidade R698. 

CALIBRAÇÕES


Os perfis T35 e J35, devido à sua pequena câmara, não precisam de elementos de suporte e, como dissemos anteriormente, eles devem ser instalados em superfícies alisadas, mas dispomos de três medidas de espessura, 1, 3 e 5 mm, que combinadas entre si permitem ajustar as diferenças de prumo e alinhamento.